? ºC Porto Velho - RO

Notícias

11/11/2019 09:08

Um dos mais consagrados contrabaixistas do país, Michael Pipoquinha, participa de workshop em Rondônia

O evento voltado à músicos evangélicos e seculares aconteceu na Duart Som, em Ji-Paraná.


A reportagem do programa "Cidade Gospel" da TV Band, em Ji-Paraná.

Michael Pipoquinha nasceu em 1996, na cidade de Limoeiro do Norte, interior do Ceará, Brasil. Começou a tocar
violão aos 10 anos de idade mas logo se apaixonou pelo contrabaixo. Aprendeu a tocar assistindo video-aulas sob a
orientação do pai, Elisvan Silva, também baixista. Em 2008, foi agraciado com uma Bolsa Integral de Estudos no Projeto
Cultivando Talentos, da Fundação Beto Studart em convênio com o Conservatório de Música Alberto Nepomuceno, maior
Instituição do Ensino em Música do Ceará, fazendo aulas de Piano, Percepção Musical e Coral. Em 2007, com apenas 11
anos começou a se apresentar em público, causando admiração das platéias por onde passava.
Em 2008, Pipoquinha foi assistir o show de seu grande ídolo Arthur Maia, grande baixista brasileiro. Nesse dia teve a
oportunidade de conhecer sua maior inluência e tocar no palco com ele. No dia seguinte, já se apresentou ao lado do
ídolo em seu workshop.
No mesmo ano, obteve a maior pontuação na seletiva do I Festival Baixo Brasil Fortaleza, e pode atuar em meio a
grandes nomes do contrabaixo brasileiro, como Celso Pixinga (SP), Adriano Giffoni (RJ), Ebinho Cardoso (MT), Mauro
Sergio (MA), Braulio Araújo(PE), Miqueas Santana (SP), Sergio Groove e Jr. Primata (RN). Pipoquinha começava a se
tornar conhecido em meio aos músicos, devido a seu talento precoce e personalidade marcante. No mesmo ano, participou
da Feira da Música de Fortaleza novamente.
No ano seguinte, Pipoquinha foi convidado para participar dos shows de Nélio Costa e Arthur Maia no X Festival de
Jazz e Blues de Guaramiranga (CE), e .do maior festival de Jazz e Blues da América Latina, Festival de Rio das Ostras, nos
shows de Jefferson Gonçalves e Big Time Orquestra. Outro grande acontecimento foi participar da gravação do DVD de
outro baixista referencial brasileiro, Sérgio Groove.

Pipoquinha vinha conquistando visibilidade no cenário musical, quando o levaram para participar do programa da
Rede Globo, Domingão do Faustão, no quadro “De olho nele” que revela novos talentos da música brasileira.

Pipoquinha impressionou todo o Brasil tocando em rede nacional aos 13 anos.

Seus vídeos na internet hoje atingem milhões de visualizações.
Participou em 2009 da EXPOMUSIC, onde Tocou com grandes nomes da música brasileira como Arthur Maia, Celso
Pixinga, Mozart Mello, Faísca, Celso Almeida, entre outros.
Fez seus primeiros shows solo no mesmo ano, através do BNB Cultural, em Fortaleza, Juazeiro do Norte, Nova Olinda e em
Sousa (PB).
Mudou-se com sua família para o estado de São Paulo, em dezembro de 2010.
Em 2012 passou a integrar o grupo de jazz moderno BR Trio, acompanhando o guitarrista Isaac Negrene e o baterista
Elthon Dias. O BR Trio fez apresentações no Uruguai e na Argentina, participando dos Festivais Jazz la Calle e apresentações
diversas. Também tem realizado diversos workshops pelo Brasil com o baterista Alexandre Aposan e também sozinho.
Em 2013, participou convidado por Arthur Maia novamente, do festival Rio Das Ostras, onde conheceu grandes
nomes como Stanley Clark e Victor Wooten, sendo reconhecido e mencionado pelos ídolos em mídias como a revista Bass
Player. Também se apresentou como principal atração no festival Gospel Jazz Festival, na Colômbia. Ainda participou
como convidado no Power Trio Festival, promovido pela revista Guitar Player. E mais dezenas de workshops pelo
Brasil.


Novos Atos - RO

Todos os direitos reservados
É proibido a cópia total ou parcial do conteúdo, e a reprodução comercial sem autorização.
Novos Atos - RO

Busca

Redes Sociais

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo